sexta-feira, 16 de fevereiro de 2007

Tu. Tu, especialmente. Exacto tu que sabes que és tu. Espera o pau e vai ladrando. Estou tãoooo feliz!


Sexta feira com muito carnaval, está visto. O desemprego subiu aos 7,7%. O sr. santiago da PJ disse que Portugal poderia, PODERIA, vir a ser ponto de recuo para o terrorismo. Com os voos ilegais da CIA para GUÂNTANAMO pensei que já era. Esclarecedora a forma rápida como o PS já se esqueceu da "modernidade europeia" alcançada com o sim ao ABORTO e na preparação da nova lei já mandou o modelo alemão às urtigas. Uma merda, uma merda. No entretanto a corporação dos docentes foi ao ponto. Diz a FENEI que o descrédito do professor como agente imbuído da responsabilidade de educar e modular comportamentos, cresce. Antes assim fosse Fenei's. Nesta frase encontra-se todo o drama do nosso sistema educativo e tudo o que nos separa do vosso projecto. Precisamente por vocês quererem ocupar e substituir a família, educando mas não ensinando, que é para o que sois pagos, e por vocês quererem modelar e pautar comportamentos, não nos mereceis crédito algum. Fique bem claro que deveis ENSINAR, se tal conseguirdes, que educar compete à família. Lastimável esta poeira salazarenta que persiste na nossa esquerda. A terminar, sigam de perto essa novela de que aqui já se falou. A C.M. de Lisboa, o Carmona, o Marques Mendes, as teias da dita e as tão curiosas reacções da oposição. Tem a palavra a esquerda. O Pêcê já se encolhe. Quem tem medo e por causa de quê de eleições? Ou o gaijo da Bragaparque tinha mesmo razão? Brinquem muito que a Sónia lança um post mais decente.

6 comentários:

sonia r. disse...

Estavas inspirado Bernardo. Porque será???

Talvez o pau...lolololol!!!!!

Ivo disse...

Sim senhor!!

MAi nada! Abraço

PR disse...

Não é vai.te foder. É: estás fodido. É lento e parvos não somos...lololol! Onde raio te enfiaste, porra?.

as velas ardem ate ao fim disse...

Muito bom...quase tão bom como a fotonovela Camara de Lisboa.Sim onde está aesquerda nesta novela??

bjos e abraços

Zé Lérias disse...

Ainda não sei se é do vírus H5 N1 ou da resfriadela do dia 11... O certo é que estou de quarentena. A malvada deu-me forte!
Um abraço. Bom fim de semana.

Um Poema disse...

Andei um tanto à deriva até chegar aqui.
No abre e fecha páginas, parece que não fiz a agulha certa.
Cheguei cá, finalmente.
Um abraço