sexta-feira, 27 de julho de 2007

Cavaco e Sócrates, o mesmo rosto, o mesmo combate.

Foi escrito pelo PR, teimosa e insistentemente. Cavaco não era o candidato da Direita mas o candidato do centrão, dos interesses instalados e do grande Capital. O candidato do engenheiro que sempre desejou a sua vitória. Sócrates é o homem de mão do liberalismo selvagem no Poder. Aos poucos o embuste revela-se. Cavaco tem calado e consentido. Cavaco tem, como se viu a propósito do referendo no Aborto, pactuado sempre com Sócrates, mesmo que tente segurar a reeleição e os seus votos captados na direita com afirmações e declarações aparentemente críticas e inócuas. Agora, Cavaco, ao fazer avançar os seus homens no PSD em apoio de Marques Mendes tenta assegurar a manutenção da implosão da oposição a Sócrates. Objectivamente, ambos, Cavaco e Sócrates, colaboram e tentam assegurar desde já a vitória de cada um nas próximas eleições legislativas e presidenciais. Façam de parvos se quiserem. O País agoniza. O grande capital agradece. Um bom fim de semana.

8 comentários:

wind disse...

Bom fim de semana.
beijos

A. João Soares disse...

Andando por aí e olhando á volta, nada custa aceitar esta explicação. Eles não são parvos e, como políticos, têm a ambição de prolongar o seu «bem-bom», o que d´lógica à tese apresentada.
Abraços, Bom fim-de-semana

MEU DOCE AMOR disse...

Pois.

Deixa agonizar...por vezes é necessário bater no fundo.Para se perceber.

Beijinho doce e bom fim de semana.

Su disse...

bom dim de semana-----------

jocas maradas

hfm disse...

bfs

Thunder disse...

A mim apetecia-me mesmo revoltar-me!Mas a revolta ainda anda aqui dentro!!!
Bjs

Alien8 disse...

Um bom fim de semana para ti.
E um abraço.

MEU DOCE AMOR disse...

Passei para deixar beijinhos:)