quinta-feira, 1 de março de 2007

Malabarista com os números, Sócrates vive um perpétuo estado de graça. Mas.

Factos são factos. Os rostos existem. E o desemprego, sem demagogia, cresce.

6 comentários:

wind disse...

claro que o desemprego cresce.
Este não é o 1º caso.
Já houve muitos mais e há que denunciar!
beijos

Su disse...

o estado será de des.graça....


jocas maradas ...........sem ele....o jose silva

un dress disse...

pois é. mas solicitam-se que não tenhamos consciência de tal coisa...

e o pior é que...mal se tem!!

tamos meio bobos não?

PR disse...

Felizmente somos um país sem presente mas, dizem os relatórios, somos os europeus mais optimistas. A imbecilidade mora aqui.

as velas ardem ate ao fim disse...

a nós leva nos à desgraça.

bjos

A gerência disse...

Hey... o desemprego faz falta no sistema actual Português. É um dos pilares fortemente armado do capitalismo. (Cala-te boca)

Claro que bonito é, lembrar os fundamentos do socialismo. Pessoalmente, prefiro ler Fernando Pessoa.